NOTÍCIAS
05 DE NOVEMBRO, 2022

A EGF integra a Escola Amiga da Criança, sendo um dos parceiros principais desta iniciativa com foco nos temas da Sustentabilidade e Felicidade nas Escolas.

 

A Escola Amiga da Criança e a EGF assinaram um protocolo de cooperação para o ano letivo 2022/2023, no qual se comprometem a colaborar para a promoção e desenvolvimento de estudos científicos sobre questões relacionadas com a escola, as suas pessoas e ecossistemas envolventes.

 

No âmbito desta parceria, a Escola Amiga da Criança e a EGF vão promover um primeiro estudo, que tem prevista a publicação de resultados no 1.º trimestre de 202, que pretende avaliar e caraterizar a Felicidade nas Escolas, com os seguintes objetivos:

 

  • Caracterizar a perceção de felicidade na escola dos alunos e professores portugueses (desde o 2.º CEB ao Ensino Secundário), atendendo às seguintes dimensões: esperança, empenho, pertença, aprendizagem social e emocional e bem-estar. Serão ainda consideradas as dimensões: Sentir bem/propósito; Saúde subjetiva; Exercício saudável; Alimentação saudável (Feel well/Meaning; Subjective health; Move Well; Eat Well, in Marujo & Neto, 2011).
  • Aferir a influência dos climas e/ou ecossistemas (escola, colegas e família) na perceção da felicidade de alunos e professores.
  • Aferir a importância que a perceção de um desenvolvimento sustentável do planeta tem na perceção de felicidade.
  • Criar um observatório, como projeto de longo prazo, para a recolha periódica destes dados, que nos permita comparar os inquiridos aquando do início de um ciclo de estudos e no fim do mesmo.
  • Construir um índice de felicidade das escolas portuguesas, também um projeto a longo prazo.

 

 

Prémios para as escolas

A Escola Amiga da Criança atribui todos os anos prémios às escolas com os melhores projetos em vários temas, e a EGF assumiu o apoio aos projetos de Sustentabilidade com prémios especiais nesta categoria – a possibilidade de receber a visita de planetários itinerantes e o desenvolvimento de mascotes especiais na APP Recycle BinGo (www.recyclebingo.pt).

 

Esta parceria será ainda promovida no Programa Ecovalor, um programa escolar que o Grupo EGF desenvolve há mais de 20 anos e em parceria com os municípios, que tem como oferta atividades educativas de incentivo às boas práticas ambientais sobre resíduos urbanos, e que inclui ações de sensibilização e formação, workshops, concursos e informação pedagógica para toda a comunidade escolar.

 

As candidaturas decorrem até ao dia 30 de junho de 2023, através do site oficial do projeto https://escolaamiga.pt/, onde também se encontram todas as informações sobre a iniciativa.

 

O projeto vencedor ganha 5.000€ (cinco mil euros) em livros LeYa.

A Escola Amiga da Criança premeia adicionalmente o projeto vencedor de cada categoria com 1000€ em livros LeYa para as bibliotecas das escolas e prémios adicionais por parte dos parceiros envolvidos na iniciativa.

 

Sobre a Escola Amiga da Criança

A Escola Amiga da Criança é a iniciativa conjunta da CONFAP (Confederação Nacional das Associações de Pais), da LeYa e do psicólogo Eduardo Sá, que visa distinguir e reconhecer escolas que concebem e concretizam ideias extraordinárias, contribuindo para um desenvolvimento mais feliz e completo da criança no espaço escolar.

 

A 6.ª edição da iniciativa conta também com o apoio da Fundação Altice, REN, Católica do Porto Business School, a Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa, o Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, a Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa, a Sociedade Ponto Verde, a Associação Mutualista Montepio, The Inventors, Fábrica Centro Ciência Viva da Universidade de Aveiro, EKUI, Associação ACEGIS, Solfut, Maped, Jardim Zoológico de Lisboa e o Oceanário.

Mais informação em https://escolaamiga.pt/

 

Sobre a EGF

A EGF é uma empresa europeia de referência no setor ambiental e líder no tratamento e valorização de resíduos em Portugal. Integrada no Grupo MOTA-ENGIL/URBASER, é responsável por assegurar o tratamento e valorização de resíduos, da forma ambientalmente mais correta e economicamente sustentável, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida e do ambiente.

A gestão dos sistemas de tratamento e valorização de resíduos é feita através de 11 empresas concessionárias (Algar, Amarsul, Ersuc, Resiestrela, Resinorte, Resulima, Suldouro, Valorlis, Valorminho, Valnor, Valorsul), constituídas em parceria com os municípios servidos, que processam anualmente cerca de 3,3 milhões de toneladas de resíduos urbanos (RU), servindo uma população de 6,2 milhões de pessoas distribuídas por 174 municípios, numa área equivalente a 60% do território em Portugal.

Mais informação em https://www.egf.pt/

 

Informações: Ana Loureiro |Telemóvel: 968601711 | E-mail: ana.loureiro@egf.pt

29 DE NOVEMBRO, 2022

Sarau de poesia e música inspirado na reciclagem

Valorlis entrega prémios aos vencedores do concurso de poesia “Reutilizar Poesia, Reciclar Palavras”

 

Decorreu na passada sexta-feira, nas instalações da Biblioteca Municipal Afonso Lopes Vieira, a cerimónia de entrega de prémios do concurso de poesia “Reutilizar Poesia, Reciclar Palavras” promovido pela Valorlis, com o intuito de incentivar a expressão literária através da escrita de poemas, inspirados no tema da Reciclagem.

 

A cerimónia, contou com a presença de mais de 60 pessoas, entre poetas, familiares, e representantes das instituições participantes no concurso, num sarau de poesia, onde foram declamados os poemas, acompanhados à guitarra pelos alunos da escola de música SAMP e pelo músico Sergio Bento.

Os jurados do concurso, o psicólogo e escritor Paulo José Costa, a bióloga e escritora Carla Veríssimo, ambos poetas e impulsionadores da Poesia e a engenheira do ambiente e Administradora da Valorlis, Marta Loia Guerreiro, entregaram os prémios aos vencedores, reconhecendo a qualidade dos poemas recebidos.

 

Os poetas vencedores foram: 1ª classificada, Tatiana Alves, 2ª classificada, Nídia Nair, 3ª classificada Isabel Moio e foram ainda distinguidos com uma menção Honrosa, os poemas escritos por Henrique Louro e Rita Leitão.

 

Os poemas vencedores, foram impressos num saco reutilizável, personalizado e oferecidos a todos os participantes, juntamente com um ecoponto doméstico. Os poetas vencedores receberam ainda um trofeu e um vale para aquisição de livros, nas livrarias locais.

 

Está a ser preparado um e-book, que compila todos os poemas recebidos e que ficará disponível no website da Valorlis para download.

 

O concurso foi direcionado a amantes de escrita e poesia, residentes nos seis concelhos da área de intervenção da Valorlis, e recebeu 42 poemas, escritos por autores de idades compreendidas entre os 10 e os 86 anos, e ainda de utentes de 7 instituições.

 

Marta Loia Guerreiro, Administradora Executiva da Valorlis, salienta que “esta iniciativa foi um sucesso, com uma boa adesão por parte da população e com uma participação de qualidade manifestada através dos poemas recebidos, que revelaram grande conhecimento dos temas propostos: ambiente, sustentabilidade e reciclagem ”, e acrescenta que “A Valorlis pretende continuar a associar a reciclagem à expressão literária e artística e desta forma incrementar boas práticas de separação e reciclagem junto de um público mais vasto”.

 

A Valorlis agradece a todos os participantes e a todas as instituições e entidades que dinamizaram com entusiasmo este concurso. Um especial agradecimento aos jurados deste concurso Paulo José Costa, e Carla Veríssimo, por terem aceite o convite da Valorlis,  aos alunos da escola de música SAMP e ao músico Sergio Bento, que em muito enriqueceram esta iniciativa com a sua música.

 

21 DE NOVEMBRO, 2022

A Valorlis associa-se mais um ano à Semana Europeia da Prevenção de Resíduos (EWWR), que decorre de 19 a 27 de novembro de 2022 em toda a Europa, e que este ano terá como temática "Têxteis Circulares e Sustentáveis".

Este ano, a EWWR, destaca o forte impacto que os têxteis têm no nosso planeta, pretendendo inspirar ações que tragam mais circularidade ao setor têxtil. As ações desta semana não se limitam à área têxtil porque o Lixo está fora de moda, serão desenvolvidas outras ações que visam promover a prevenção da produção de resíduos .

A Valorlis vai participar nesta iniciativa com quatro ações: “A Compostagem Doméstica é ideal para si!”,Oficina de Upcycling de Têxteis”, “Uma tonelada de Oportunidades”, “Juntos fazemos a Diferença.”

A ação “A Compostagem Doméstica é ideal para si!” é uma ação onde os participantes vão ficar a saber mais sobre a compostagem doméstica, vão aprender a fazer um adubo natural a partir dos resíduos orgânicos e no final da sessão recebem um compostor.  Esta ação terá lugar no auditório da Biblioteca Municipal de Pombal e no Estádio Municipal de Leiria nos dias 18 e 19 de novembro, respetivamente, e destina-se aos munícipes já inscritos no programa de compostagem doméstica da Valorlis que foram convocados para estas sessões.  

 

No próximo sábado, dia 19 de novembro, das 14h30 às 17h30, a Valorlis vai dinamizar, a Oficina "Upcycling de Têxteis". Nesta oficina, guiada por Ângela Quaresma - Pontos & Voltas, os participantes vão aprender algumas técnicas e ferramentas simples de dar nova vida às roupas que têm um furo, ou uma nódoa, ou que já não cumprem o seu propósito, tornando-as únicas e evitando a aquisição de novas peças.

No local estará presente uma exposição dos trabalhos desenvolvidos pelos utentes da Associação Novo Olhar II.

As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias e limitadas às vagas existentes. Mais informações em www.valorlis.pt .

 

De 23 a 25 de novembro, a Valorlis em conjunto com o Município de Pombal vai dinamizar a iniciativa “Uma Tonelada de Oportunidades”. Esta campanha de educação ambiental, é dirigida à população em geral, e pretende fomentar a prevenção da produção de resíduos na origem e a aumentar as taxas de separação e reciclagem de resíduos no Concelho de Pombal. Quem entregar 15 quilos de materiais recicláveis (papel, vidro, embalagens de plástico e metal) recebe um Ecoponto doméstico, para fazer a separação dos seus resíduos recicláveis.  A iniciativa decorre no Edifício Manuel Henriques, em Pombal, entre as 10h e as 17h.

 

Durante esta semana, a Valorlis em parceria com a Refood - Leiria irá dinamizar a ação de sensibilização Juntos fazemos a Diferença”  sobre a importância da prevenção, redução e separação correta dos resíduos produzidos, destinada aos voluntários da associação. Esta ação tem como objetivo melhorar as práticas de separação, dotando-os de ferramentas para uma gestão mais adequada dos resíduos produzidos na Unidade Operacional de Leiria.

 

Marta Guerreiro, Administradora Executiva da Valorlis informa «associamo-nos a esta iniciativa, conscientes da necessidade de envolver as comunidades na adoção de práticas de produção, consumo e gestão de resíduos mais sustentável», e apela «à participação da população na adoção de boas práticas, que farão toda a diferença na redução dos resíduos que produzimos».

6
MUNICÍPIOS
302
HABITANTES
MIL
10
INSTALAÇÕES
182
RESÍDUOS TRATADOS E VALORIZADOS
MIL TONELADAS
16,78
RESÍDUOS RECICLADOS
MIL TONELADAS
2,7
CORRETIVOS ORGÂNICOS PRODUZIDOS
MIL TONELADAS
14
ENERGIA PRODUZIDA
GWH/ANO
RECYCLE BINGO O JOGO QUE DÁ PRÉMIOS A QUEM RECICLA
Ecopontos e Ecocentros Reciclar Sempre, Tudo e em Todo o Lado
6,2 Milhões
Habitantes abrangidos